Atenção - Como, Quando e para quem divulgar as suas Escutas

Em outra palavras cuidado para quem o que você divulga as suas escutas, você pode ser o único prejudicado, é muito importante saber como, quando e para quem falar.

 

Edison Pegoraro PU2POW

 

Olá amigos,

 

O maior problema de todo este debate está na irresponsável defesa de alguns pela livre divulgação na imprensa de conteúdo obtido em comunicação militar ou utilitária.

Isso transcende a crise da semana passada e não deve ser tratada como questão particular ou juízo moral.

Diversas gravações são veiculadas na mídia com a fonte em anonimato.

O jornalista atende o serviço público no compartilhamento de dados relevantes ao interesse nacional e o informante é protegido enquanto fonte em sigilo jornalístico.

As Forças Armadas CORRETAMENTE seguiram com meios mais privativos de  comunicação diante de um cenário incerto do que iria ser encontrado naquele momento.

Afinal se foi divulgado o encontro de destroços antes de Brasília, o que aconteceria se fossem encontrados corpos? Como se posicionar em relação aos parentes de vítimas com tal potencial desencontro de informações?

Por favor, notem que NÃO se tratava mais da PY0FF mas de um contexto muito maior de frenética produção jornalística e busca anti-ética por notícias com múltiplas fontes.

Os radioamadores precisam ter consciência da importância da informação eventualmente obtidas pelo rádio e as implicações de sua divulgação para a imprensa.

É uma irresponsabilidade relativizar isso e a consequência direta é a perda de confiabilidade de uma categoria que ainda luta para estabelecer a RENER em alguns estados.

O bom exemplo do André como radioamador não pode ocultar a problemática de como cada um de nós deve tratar uma informação privilegiada em situação emergencial, que infelizmente poderá voltar a acontecer.

No ambiente da mídia esses dados significativos podem ter tantas interpretações, tantas apropriações por tantos veículos, que fogem do controle e do interesse originalmente manifestado.

E curiosamente alguns dos nossos maiores equívocos são realizados com as melhores das intenções.

 

Flávio PY2ZX

POSTAGENS POPUPARES

POSIÇÕES APRS - APRS.FI

.

Resumo para o "Solar-Terrestrial Data"

Variações no campo magnético da Terra são medidos por magnetômetros.
Dois índices são calculados:
Índice K - Faixa de 0 a 9, 0 é calma
Índice A - Usa a média das 8 leituras do índice K, Faixa de 0-400
Geralmente um Índice A igual ou inferior a 15 ou um índice K igual ou inferior a 3 é o melhor para a propagação HF.
Elevados índices A e K reduzem as MUFs, mas ocasionalmente MUFs em baixas latitudes podem aumentar quando os índices A e K são elevados.
Veja no quadro acima, tanto os dados relativos a data de hoje (UTC), quanto a faixa de variação dos índices K e A:

ESTAÇÕES QRP

Loading...

VIDEOS SOBRE APRS

Loading...

Total de visualizações de página

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Gostou? Divulgue o GRAJU!